Tudo é certo na vida...

e, ao mesmo tempo, nada é certo. Temos sempre na cabeça que a vida corre normalmente e que tudo nela é correto e nós somos os errados por não sabermos levá-la. Por outro lado nada é certo na vida, pois achamos que a vida nos trai e que estamos sempre certos. Apenas temos uma certeza: nós somos todos dispensáveis. Fazemos o que temos que fazer e depois não valemos mais nada, pois a vida continua e vai continuar e nós paramos no tempo. Normalmente quando paramos é por que não temos mais serventia e, provavelmente, não valemos mais nada. Triste? Demais, mas ela é assim mesmo. Imagine-se um peso morto! → CC&E - c.cursini@terra.com.br -