VOCÊ OUVE RÁDIO? - Eu gosto e sempre gostei de ouvir a Rádio Bandeirantes. Pelo que me lembre, desde pós-criança, digamos uns 14, 15 anos. E o tempo foi passando e sempre a mesma rádio e agora, pós-criança também, deixo o rádio ligado a noite toda e vou até 9hs mais ou menos. Bem, o que escrevi foi só para ilustrar. O que quero dizer é que, devido aos tristes acontecimentos no Brasil e mais em São Paulo, com metrô em greve, movimentação urbana horrível, aliás, trânsito parado, chuva, sexta-feira, seria melhor estar no meio da selva amazônica, à noite, sem luz, com uma sede danada e sem água e com trovões anunciando uma chuvarada. Ouvi o que gostaria de ouvir hoje cedo em notícia no Jornal Primeira Hora, ao Zé Paulo – José Paulo de Andrade, do qual sou fá desde pequenininho – pena que ele é sampaulino – comentando sobre esse "desastre" do trânsito e das greves ele disse que para São Paulo, cidade e estado, quem tinha que comandar, mandar, falar e responsabilizar-se teria que ser um estadista e não uns b.....s e politi(cu)zinhos como os atuais. Eu não sou político e não me atenho a partidos – prefiro a pessoa, métodos, educação, que saiba falar, explicar e explicar-se, que transmita e prove respeito e educação e seja rodeado de assessores e colaboradores do mesmo naipe, da mesma estirpe do comandante. E não sei o porquê ou claro que sei, mas o meu político preferido e que poderia ser um futuro político – novamente – é Fernando Henrique Cardoso. → Claudio Cursini → 06/06/2014 09:06