Pular para o conteúdo principal

Mappin estará de volta com comércio eletrônico em 2019

Iniciativa da Marabraz traz de volta a icônica marca varejista

Mappin (Foto: Divulgação)
Lembra do Mappin? A rede de lojas que fez história no Brasil durante boa parte do século 20 estará de volta em breve, ao menos na internet. A Marabraz, que hoje é dona da marca, confirmou a informação a Época NEGÓCIOS por meio de sua assessoria de imprensa.

A volta deverá ocorrer no primeiro semestre do ano que vem, com a venda limitada a itens de cama, mesa e banho, além de decoração. Ainda não há a sinal de que a ideia possa evoluir para a volta das lojas físicas da marca.

De origem inglesa, o Mappin chegou ao Brasil em 1913, e foi um dos pioneiros do comércio varejista de grande escala. Atuando com lojas luxuosas nas primeiras décadas de existência, a rede depois passou a adotar apelo mais popular. A loja mais icônica era um grande prédio na Praça Ramos de Azevedo, no centro de São Paulo, onde está hoje uma loja da Casas Bahia.

Na década de 1990, a rede passou por grandes dificuldades financeiras e, em 1996, acabou vendida para o empresário Ricardo Mansur. Não adiantou, e o Mappin acabou falindo em 1999, sendo adquirido em um leilão judicial pela Marabraz dez anos depois.é

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jornal do Brás - 30 anos

Ilustração extraída dos Wilson Studios

Já em franca evidência, o comércio do Brás, Pari, 25 de Março, Bom Retiro, Mooca, Belém e Tatuapé, está de prateleiras lotadas dos milhões de produtos de alta qualidade, à disposição do Turismo de Compras. Só o Brás deverá registrar 2 milhões de pessoas em novembro, passando para 3 e 4 milhões no auge das festividades natalinas.
Segurança
Várias empresas do bairro Brás/Pari já estão adotando até drones para oferecer maior segurança ao Turismo de Compras que deverá atrair mais de 3 milhões de pessoas por dia na região. Além de tudo, a segurança aos compradores será indumentada pelas mais de 200 câmeras de segurança monitoradas pela CET.
Jornal da Propagação Responsável pela divulgação da marcha brasense, o popular Jornal do Brás reduziu os custos de sua tabela, em comemoração aos seus 30 anos dia 20 de outubro. 91.000 temporários De acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), espera-se a contratação de 91.000 trab…

Região agiliza vendas de Natal

Já em franca evidência, o comércio do Brás, Pari, 25 de Março, Bom Retiro, Mooca, Belém e Tatuapé, está de prateleiras lotadas dos milhões de produtos de alta qualidade, à disposição do Turismo de Compras. Só o Brás deverá registrar 2 milhões de pessoas em novembro, passando para 3 e 4 milhões no auge das festividades natalinas.
Segurança Várias empresas do bairro Brás/Pari já estão adotando até drones para oferecer maior segurança ao Turismo de Compras que deverá atrair mais de 3 milhões de pessoas por dia na região. Além de tudo, a segurança aos compradores será indumentada pelas mais de 200 câmeras de segurança monitoradas pela CET.
Jornal da Propagação Responsável pela divulgação da marcha brasense, o popular Jornal do Brás reduziu os custos de sua tabela, em comemoração aos seus 30 anos dia 20 de outubro. 91.000 temporários De acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), espera-se a contratação de 91.000 trabalhadores temporários para atender …

Super Recomendo - Mapa do Pari

Mapa das Redondezas do Pari do Super - Recomendo







Veja mais no Instagram do Super Recomendo