Você sabe como surgiu a Lei de Murphy? Descubra

"Se alguma coisa pode dar errado, dará. E mais, dará errado da pior maneira, no pior momento e de modo que cause o maior dano possível".
Quem já não passou por alguma situação dessas que atire a primeira pedra, ou melhor, não atire, porque é bem capaz de acabar dando tudo errado, e a pedra acertar você mesmo.
Essa é - podemos dizer famosa e conhecida - lei de Murphy, mas, porque atribuímos a essa lei nossos "fracassos" e tentativas mal-sucedidas? Descubra.
De acordo com o livro 'Oh dúvida cruel', Edward Murphy Jr. foi um engenheiro da força Aérea Americana, responsável por um projeto em que se media tolerância humana à aceleração excessiva, em 1949.
Num dos testes era necessário colocar 16 sensores em diferentes locais do corpo de um piloto de provas. Havia duas maneiras de colocar os sensores: alguém metodicamente instalou todos os 16 sensores de maneira errada.
Ao checar o que havia acontecido, Murphy formulou a lei, que na forma correta e original é:
Se há duas ou mais maneiras de fazer alguma coisa e uma delas pode resultar em catástrofe, alguém o fará dessa maneira.
Tudo bem que exista a Lei de Murphy, mas que existem alguns "espíritos de porco" que adoram fazer as coisas erradas pra ferrar os outros. Lei de Murphy poderia ser sinônimo de Espírito de Porco ou de Burrice Completa. - C&C - E&P - Você vale pelo que sabe!
Cláudio Cursini
historiasdopari.wordpress.com