Gente! Natal nem sempre é dia de festas - apenas para começar, eu digo que Natal, para mim, é um dia triste e, ao mesmo tempo, feliz - passo com minha mãe velhinha, acabadinha, cheia de problemas, sem vontades, sem desejos - E eu nem tanto com vontades e desejos, mas gostaria de sentir uma presença especial que fossem os meus filhos. Sei que não posso, atualmente - Sei que não posso pelas situações - Sei que não posso pelos que eles sentem sobre mim - Um me adora e outro nem tanto - Então é um Natal feliz por que estou com minha mãe e por que sei do amor, talvez incondicional de um dos meus filhos. O outro tem a sua vida e, talvez, nem tenha pai - Meu Natal será feliz por que estarei com minha mãe e ela é a minha primeira realidade, ela é a que me colocou aqui, ela é a minha vida...