Interrogações?

Que tal esses olhos?
Quantas vezes lutamos bravamente para chegar a um final natural e feliz de algo que consideramos importante e, no final das contas, não chegamos ao fim esperado, mas sim, a uma consequência  forçada. Será que tudo é consequência ou existe um final feliz sem que seja consequência no sentido inverso da palavra?
-  Claudio Cursini - 22/01/2014 09:59 – c'est la vie...