A ausência presente...

Esta noite eu sonhei com você. Não importa o tempo que durou e eu nem me lembro, mas com certeza, foi curto demais pelo tempo que eu gostaria que fosse.
A saudade é sempre enorme, mas para saciar e satisfazer essa saudade o tempo é exíguo, pequeno e sempre curto demais. Saiba que foi tão bom delirar com seu cheiro, saborear o seu gosto e alisar, tocar e beijar você.
Não estamos mais, mas você continua habitando em meu coração e nos meus sonhos e na hora de você ir, eu percebo como a minha mente e coração sofrem... Posso dizer que você é a única e especial, pois ninguém junto a mim, me eleva tanto assim e, ao mesmo tempo, ninguém me deixando sozinho, coloca-me tão lá embaixo assim também como você...
→ Claudio Cursini  -