Hoje vamos a mais um texto publicado em 2010, pelo nosso blog historiasdopari.wordpress.com.
PARI E SEUS FILHOS FAMOSOS ( PARTE III )
PARI E SEUS FILHOS FAMOSOS, parte 3

Continuando com o relato dos parienses famosos, vou relatando aqueles que vão surgindo na minha memória.

No futebol, principalmente e devido aos inúmeros campos que haviam em nossa várzea o Pari forneceu ás grandes equipes , grandes craques. Comecemos pela década de 30, vindo do Luzitano F.C., clube que possuia a maior torcida do bairro e que chegou a disputar o Campeonato Paulista da Divisão Principal, para o Palesta Itália e mais tarde Fluminense e Lazio, jogou o craque Lara, dono de uma habilildade espantosa. Anos mais tarde seu filho Larinha, tambem vindo do Luzitano, jogou em algumas equipes do interior e em seguida foi jogar na França , onde foi campeão.Ao lado do Larinha, um seu parceiro de Luzitano, foi campeão em terras francesas, trata-se do mais tarde empresário Tomaz Fonseca, conhecido no nosso bairro como Zé Madeira.

Ainda na década de 30, na Rodrigues dos Santos morava um integrante de um dos grandes esquadrões que teve o Corinthians, o raçudo e aguerrido Muñoz, que trouxe ao time de Parque São Jorge a colônia espanhola.

Do Barão de Ladário F.C., jogou ao lado de meu pai, um jogador que alguns anos mais tarde foi tri no Flamengo, numa linha em que ele Jadir, jogava com Déquinha e Jordan.

O Pari tem na galeria de presidentes do Coringão dois filhos , o sr.Manoel Corrêa e o sr. Alfredo Ignácio Trindade.

Filho do dono de um empório na Madeira com Vidal de Negreiros, Amaral , foi um dos mais rápidos e habilidosos pontas que a Lusa já teve. Mais tarde Amaral envergou a jaqueta grená do Juventus. Do Estrela do Pari saiu um ponta que tambem foi campeão pelo Flamengo e jogou no Guarani, foi o dono de um chute fortíssimo , o Oswaldo, conhecido no bairro como Catiguá.

O Flor do Brás , que apesar do nome sempre pertenceu ao Pari, teve na década de 30 um goleiro que até era bom. Porém como dirigente de futebol, João Mendonça Falcão, foi um dos grandes dirigentes do futebol brasileiro.

André Lofredo , comentarista da Sport TV ,foi quando solteiro morador da Paschoal Malatesta e é filho de um colega meu de ginásio, o Roberto que jogou e também dirigiu o Glorioso do Brás.

Portanto esta é uma lista de alguns futebolistas que beberam da água do nosso Pari e que souberam honrar o nome do nosso querido bairro.