Reblogged from Histórias do Pari:

Click to visit the original post

  • Click to visit the original post

HISTÓRIAS DO PARI –

Os recém chegados ao Pari, que vêm um bairro pujante economicamente, esse trânsito intenso,não imaginam que o bairro possuía uma população bem maior, uma vida social intensa, muita diversão e alguns tipos bem pitorescos.                                                                               Um deles era o Mariolo, um italiano trabalhador , bondoso , alegre. Ele possuía uma vitrola muito antiga, onde nos finais de semana colocava discos de músicas italianas, como cancionetas e tarantelas, isso num volume bem alto e com um alto-falante roufenho.Pois bem a vizinha era uma professora de canto, de modos refinados e que considerava música só as clássicas e as óperas.O resto eram sub – músicas.                                                                                

Ler mais… mais 173 palavras