Estava assistindo a televisão e comecei a ouvir Antônio Marcos.

" Eu hoje estou tão triste /eu precisava tanto / conversar com Deus..."

Sua voz me levou ao passado...

Eu devia ter uns 14 anos , mais ou menos.
Morava no bairro do Pari , na Vautier.

De tempo em tempo , Antônio Marcos aparecia na vizinhança .
Eu ficava espiando ,pela fresta da janela do quarto.

Alto, sorriso farto.
Gestos largos.
Cabelos longos.
Corrente com medalhão ( ou crucifixo? ) .
Colete de couro, sem camisa.
Para a época , o auge da irreverência !

Eu me sentia a verdadeira " menina de tranças ! ".
" O tempo passou e ficou na lembrança ... "

Entre tantas...

Hoje, a essa hora da noite, senti saudades de continuar ouvindo Antônio Marcos...
Estou cantarolando.

" ... eu hoje estou tão triste/ eu precisava tanto conversar com Deus / falar dos meus problemas / também lhe confessar / tantos segredos meus... "

Muitos não sabem quem foi
Antônio Marcos.
Outros , como eu, jamais esqueceram ...

Misturou doçura com rebeldia.
Álcool com poesia.
E conseguiu o que queria.
Está conversando com Deus!

" Ei irmãos , vamos seguir com fé / tudo o que ensinou / o Homem de Nazaré ! / Ei irmãos ! "

bjs