SUICÍDIO PRA QUÊ?


Vai vivendo e não perca o prazer e nem as esperanças – como a vida é passageira tudo o que nela consta torna-se também – então alegrias e tristezas, risos e lágrimas, riqueza e pobreza também são passageiros. 
Não se desespere – tudo o que sobe desce e tudo o que vai volta. Apenas não perca a capacidade de construir, idealizar, ensinar novidades e novas lembranças também. Procure sempre aprender e sempre ensinar. Mesmo assim ainda se sente perdido (a)? Tenha certeza de que sentir perdido, vez em quando, é apenas transitório e suicídio é a solução definitiva para problemas que podem ser solucionados... a vida pode não parecer o que deseja, mas não se esqueça – temos que vivê-la – é assim que aprendemos... → Claudio Cursini - 10/04/2014 11:01