Pular para o conteúdo principal

Água Rasa e Pari, na Zona Leste, têm maiores taxas de mortes confirmadas ou suspeitas por coronavírus em SP

Água Rasa e Pari, na Zona Leste, têm maiores taxas de mortes confirmadas ou suspeitas por coronavírus em SP


Bairros concentram mais óbitos a cada 100 mil habitantes. A Brasilândia, na Zona Norte, continua sendo o distrito com maior número absoluto de mortos na capital. O bairro passou de 54 para 81 mortes por coronavírus confirmadas ou suspeitas, aumento de 39% em sete dias.



o dia 24 de abril. — Foto: Reprodução/Twitter
Água Rasa, Pari, Artur Alvim, Limão e Alto de Pinheiros são os bairros que registraram o maior número de mortes suspeitas ou confirmadas pelo novo coronavírus a cada 100 mil habitantes na capital paulista, segundo o mapa epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (27) pela Prefeitura de São Paulo. De acordo com o mapa, as mortes continuam concentradas na periferia da cidade.
Os dados mostram que, na Água Rasa (Zona Leste), foram 47,2 mortes registradas por grupo de 100 mil pessoas na semana epidemiológica terminada em 24 de abril. O bairro registrou 39 mortes confirmadas ou suspeitas neste período e tem 82.564 mil moradores, segundo os números da subprefeitura local.
No Pari, também na Zona Leste, foram registradas 9 mortes confirmadas ou suspeitas de coronavírus até 24 de abril, e também chega a incidência de 47,2 mortes por grupo de 100 mil. 

Em toda a cidade de São Paulo, a prefeitura registrou 2.688 óbitos confirmados ou suspeitos na semana epidemiológica até 24 de abril.
  • SP: Mortes por 100 mil habitantes
  • Água Rasa - 47,2
  • Pari - 47,2
  • Artur Alvim - 44,8
  • Limão - 42,7
  • Alto de Pinheiros - 41,5
  • Belém - 40,6
  • Liberdade - 39,8
  • Vila Formosa - 39,3
  • Campo Belo - 37,6
  • São Mateus - 37,3
Veja mais no portal G1



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jornal do Brás - 30 anos

Ilustração extraída dos Wilson Studios

Já em franca evidência, o comércio do Brás, Pari, 25 de Março, Bom Retiro, Mooca, Belém e Tatuapé, está de prateleiras lotadas dos milhões de produtos de alta qualidade, à disposição do Turismo de Compras. Só o Brás deverá registrar 2 milhões de pessoas em novembro, passando para 3 e 4 milhões no auge das festividades natalinas.
Segurança
Várias empresas do bairro Brás/Pari já estão adotando até drones para oferecer maior segurança ao Turismo de Compras que deverá atrair mais de 3 milhões de pessoas por dia na região. Além de tudo, a segurança aos compradores será indumentada pelas mais de 200 câmeras de segurança monitoradas pela CET.
Jornal da Propagação Responsável pela divulgação da marcha brasense, o popular Jornal do Brás reduziu os custos de sua tabela, em comemoração aos seus 30 anos dia 20 de outubro. 91.000 temporários De acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), espera-se a contratação de 91.000 trab…

Região agiliza vendas de Natal

Já em franca evidência, o comércio do Brás, Pari, 25 de Março, Bom Retiro, Mooca, Belém e Tatuapé, está de prateleiras lotadas dos milhões de produtos de alta qualidade, à disposição do Turismo de Compras. Só o Brás deverá registrar 2 milhões de pessoas em novembro, passando para 3 e 4 milhões no auge das festividades natalinas.
Segurança Várias empresas do bairro Brás/Pari já estão adotando até drones para oferecer maior segurança ao Turismo de Compras que deverá atrair mais de 3 milhões de pessoas por dia na região. Além de tudo, a segurança aos compradores será indumentada pelas mais de 200 câmeras de segurança monitoradas pela CET.
Jornal da Propagação Responsável pela divulgação da marcha brasense, o popular Jornal do Brás reduziu os custos de sua tabela, em comemoração aos seus 30 anos dia 20 de outubro. 91.000 temporários De acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), espera-se a contratação de 91.000 trabalhadores temporários para atender …

Super Recomendo - Mapa do Pari

Mapa das Redondezas do Pari do Super - Recomendo







Veja mais no Instagram do Super Recomendo