Pular para o conteúdo principal

Frei Gilmar se emociona ao agradecer povo pela reconstrução da igreja


Frei Gilmar se emociona ao agradecer povo pela reconstrução da igreja

Moacir Beggo
São Paulo (SP) – Seis anos depois do incêndio que destruiu a lateral e a torre do lado direito da Igreja de Santo Antônio do Pari, o pároco Frei Gilmar José da Silva pôde subir ao púlpito do presbitério para agradecer a todos que ajudaram durante estes anos a reconstruir este belo templo da cidade de São Paulo. Emocionado, na celebração eucarística que encerrou a 98ª Festa de Santo Antônio, às 19h30, agradeceu a todos pela generosidade que demonstraram a cada festa e eventos que promoveu desde que chegou, em 2008, com missão de coordenar os trabalhos pastorais desta Paróquia.
“Quando aqui cheguei tinha diante de mim uma imensa responsabilidade e também um grande desafio, que era continuar o restauro e reforma desta igreja. Com o telhado todo comprometido, não conseguíamos celebrar em dias de chuva. A torre estava com o mesmo aspecto de 2006, quando o incêndio a destruiu quase que totalmente. Internamente já tínhamos uma igreja bela, como a conhecemos, mas muito serviço pela frente. Nesta caminhada, com o esforço, com a generosidade, com a presença dos paroquianos e também de todos vocês, aqui estamos concluindo tudo aquilo que precisava ser feito na nossa igreja. Sou muito grato a vocês!”, frisou o pároco, lembrando que internamente as obras de pavimentos e escadas continuam na torre, para que seja possível o acesso ao órgão. E voltou a agradecer: “Com certeza, tudo aquilo que fazemos com amor, tudo aquilo que nós doamos generosamente, alegra o coração de Santo Antônio e também o coração de Deus”. Pintada, com o telhado novo, com as torres refeitas externamente, a Igreja do Pari voltou a ser um ponto de referência no bairro do Pari.
No final, Frei Gilmar levou as pessoas às lágrimas: “Que Deus abençoe as nossas famílias, os nossos jovens, as lideranças, as senhorinhas desta Paróquia. Como eu me orgulho delas e digo isso emocionado. Como me orgulho dessas senhoras com mais de 80 anos, ou até de 90 anos, que ficam aqui com amor, fazendo o bolo, trabalhando na nossa barraca e em tantos outros serviços para que esta festa realmente tenha a beleza que tem. A força dessas senhoras – elas não são velhas, não! -, muitos jovens não têm. E isso é engrandecedor. Portanto, sou muito grato por todos vocês e rezo a Deus por cada um e cada uma para que continuem participando desta evangelização”, encerrou.
Frei Gilmar, visivelmente cansado do trabalho que teve início desde o início da Trezena, deixou no final uma mensagem a todos. “Muitos de nós olhamos para a vida de Santo Antônio e os demais santos e santas, mas não queremos ser como eles. O que fez Santo Antônio de extraordinário? Ele viveu o Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo. A mesma Palavra de Vida que todos nós somos chamados a acolher, a viver, a testemunhar. Devemos abraçar o convite que Deus nos faz, para sermos santos como ele”, pediu.
A festa litúrgica terminou com a procissão pelas ruas do bairro. A festa externa continua nos finais de semana até o fim do mês.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aloha, Rotary!

Aloha, Rotary!
Conheça o verdadeiro espírito do aloha e do Rotary ao lado de familiares, amigos e outros rotarianos na cidade de Honolulu. Será o ambiente ideal para celebrarmos, colaborarmos e estreitarmos nossos laços de amizade, desfrutando do calor e da hospitalidade havaianos. A Convenção é uma das únicas oportunidades de reunirmos pessoas em ação do mundo inteiro para comemorar as conquistas do Rotary. Nossos oradores o motivarão ainda mais a se dedicar aos serviços humanitários e abordarão novas perspectivas relacionadas ao nosso trabalho global. Aproveite para rever velhos amigos, fazer novos contatos e explorar tudo o que o evento tem a oferecer. Você voltará para casa energizado e inspirado a continuar trabalhando pelo bem do próximo. Não perca a chance de compartilhar o seu aloha com toda a família rotária na nossa Convenção em Honolulu, de 6 a 10 de junho de 2020. Inscreva-se agora e economize Faça sua inscrição até 15 de dezembro pelo site riconvention.org para aproveitar o p…

Após ação da Lusa na Justiça, leilão do Canindé termina sem lances

Clube se baseia no pedido de tombamento que está em análise no Conselho de Preservação do Patrimônio

Gonçalo Junior e Marcius Azevedo, O Estado de S.Paulo 09 de maio de 2019 | 15h41

Após a Portuguesa entrar com uma petição na 14ª Vara Cível da Capital de São Paulo para suspender o leilão de parte do terreno do Canindé, marcado para esta quinta-feira, não surgiram interessados. Para acionar a Justiça, o clube se baseou no pedido de tombamento enviado para Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental (Compresp) no dia 12 de abril. No entendimento do clube, o leilão só pode ser concluído após a decisão definitiva sobre o tombamento do complexo Oswaldo Teixeira Duarte, formado pelo estádio do Canindé e o clube social.

Mercado de jogos de tabuleiro ganha espaço no Brasil

© Getty Images Empresas nacionais lançam títulos originais e também de outros países
Resumo:

O setor de jogos de tabuleiros modernos foi responsável por cerca de R$ 665 milhões do faturamento da indústria de brinquedos nacional;Em 2018, mais de 4.000 “boardgames” foram lançados no mundo todo;Conclave, Galápagos, Calamity Games, Papergames, Meeple BR e Bucaneiros são algumas das editoras brasileiras de jogos de tabuleiro;O Diversão Offline, evento dedicado ao hobby, recebeu 18 mil pessoas e movimentou R$ 2 milhões no mercado de jogos analógicos ao longo de seis edições.