Fotos do amigo Ricardo Ramos da Gazeta do Pari / Brás , que mostram o campo do Flôr do Brás, que também havia sido do Dragão Paulista, que era separado do campo do Vigor por um córrego que corre por baixo da Carlos de Campos e que deságua no Tietê.

O campo do Flôr do Brás desapareceu com a construção da Marginal e com a nova ponte da Vila Guilherme ( foi inaugurada com a presença do então Presidente Castelo Branco e eu estava lá ). Com esta mesma obra o campo do Vigor teve suas dimensões modificadas.

campo do flor do brascampo do vigor