Pois é, acabei de constatar que sou "antiga" mesmo...vejam só , falo "putz grila", "caramba", " que legal!" e outras expressões do gênero. De vez em quando me pego cantando, "Dont Let Me Dow, Dio Come te Amo, Quero que vá tudo pro inferno, Esqueça, Do you Wanna Dance, I Started A Joke e por aí vai...meu repertório é antigo e tem de tudo...Comecei a divagar e lembrei que já usei calça Lee e Lewis, já tomei Cuba Libre de "montão", já dancei sob luz negra, estroboscópica em muitos e muitos bailinhos de garagem de rosto bem colado, e como eu amava isso!
Eu sou tão antiga que me lembro bem, caminhei pela Marginal do RioTietê quando estava ainda em construção, só havia pedregulho, estavam asfaltando. Fui também na sua inauguração teve festa e fogos, eu morava perto da Portuguesa de Desportos.
As lembranças continuam e dessa vez me levam até a Portuguesa ou "Burra" para os íntimos...das suas piscinas que eu frequentei dos meus 12 aos meus 18 anos, suas piscinas onde apesar de não saber nada,r ia todos os dias para ficar com meus amigos e por isso quase morri afogada numa brincadeira do meu amigo Tadeu. Carnavais ia nas quatro noites e nas três matinês, como aguentava? Francamente não sei...
Continuando minhas lembranças na minha rua passava muito Aero Willis, Karman- Guia, Maverik e eu tinha um amigo que tinha eu não sei bem se era uma Buick azul ou outro carro bem antigo,só seu que era azul e que eu adorava esse amigo.
Bem agora chegou a vez de cuidar do visual para encontrar e paquerar aquele que nos fazia suspirar, então vamos caprichar...escolhia claro entre um vestidinho colante e bem mini ou uma calça Saint trope, boca de sino roxa ou verde limão e um collant bem decotado, um sapato plataforma, estilo Carmen Miranda, com salto altíssimo, a maquiagem compunha o visu...sombra verde ,azul, ou qualquer outra cor bem forte, delineador e rímel nos cílios curvados antes com curvex, tudo isso para valorizar e chamar a atenção para nosso olhar 51...Ao final dessa produção lá estávamos dançando ao som dos Bee Gees no Bailinho do Colégio Santa Terezinha, no meu amado Pari.
Sou mesmo muito antiga, mas que bom ter essas deliciosas recordações!
Perdoem os erros cometidos nessa redação, mas escrevi conforme vinham as lembranças...
Beijos a todos que viveram essa maravilhosa época de nossas vidas!
Rosa Helena Pellegrino