Pular para o conteúdo principal

Tombamento do Colégio Santo Antonio do Pari

Abaixo - assinado para o Tombamento do Colégio Santo Antonio do Pari

São Paulo, 27 de setembro de 2013 

AO SENHOR PREFEITO DE SÃO PAULO FERNANDO HADDAH e 

CONDEPHAAT – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico – a uma das Unidades da 

Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo. De acordo com o Decreto Estadual nº 50.941, de 5 de julho de 2006. 

Os cidadãos abaixo assinados vêm por meio deste, propor ação URGENTE a Vossa Excelência na DEFESA e 

TOMBAMENTO do prédio histórico, sede do Colégio Santo Antônio do Pari, localizada à Rua Hanneman, 352 – Pari – São Paulo – 

SP pelas razões e fatos a seguir: 

Com o nome inicial de “GRUPO ESCOLAR SANTO ANTONIO DO PARI, atual Colégio Santo Antônio do Pari – BOM 

JESUS, foi criado em 1919, por frades franciscanos, é uma referência no bairro do Pari. Sendo que parte do prédio já foi alugada 

para dar lugar a um shopping popular. 

A referência do Bairro do Pari, leva o nome da Igreja Santo Antônio do Pari e do Colégio Santo Antônio do Pari, com toda a 

sua história e era onde a Comunidade se reunia para os encontros festivos ou mesmo nos fins de semana. Ali aconteciam torneios 

de bolão, teatros, cantos corais, carnavais, grandes festas. 

Na década de 1950, a cidade ainda vivia de forma muito intensa as feridas étnicas causadas pela 2ª Guerra Mundial e eis 

que surge a construção da nova sede do Colégio Santo Antônio do Pari, como objeto de união entre a comunidade e a Igreja. A 

existência do edifício atual é testemunho vivo da herança cultural de gerações passadas que exerceram papel fundamental na 

sociedade Pariense. Embora tenha sido construído em dois momentos, o edifício atual, apresenta uma composição harmônica, 

com um modelo arquitetônico neo-colonial, destacam-se as arcadas que marcam os acessos, a esquina e o ritmo das esquadrias, 

o próprio piso de madeira do século XVIII. 

Além do valor do Colégio como Patrimônio Imaterial, há de se considerar seus valores arquitetônicos, que reforçam sua 

existência como ponto de referência e memória de Santo Antônio do Pari. 



O referido edifício passa por reformas, parte dele já foi vendida, nada se sabe sobre a forma com que estes “reparos” estão 

sendo feitos, muito menos possuímos garantias de que em breve não seja descaracterizado, apenas o tombamento (preservação 

legal) garantirá o respeito merecido a nossos antepassados e a efetiva manutenção dos nossos direitos coletivos. 

Por estes motivos expostos e por tratar-se de bem de interesse público, tendo como base a Constituição Federal de 1988, 

bem como as determinações do CONDEPHAAT e atendendo a apelo público oficializado, requeremos a imediata AÇÃO 

DECRETANDO O TOMBAMENTO (PRESERVAÇÂO LEGAL) DO COLÉGIO SANTO ANTONIO DO PARI – BOM JESUS E DE 

TODA EDIFICAÇÂO DO COLÉGIO E SEU ENTORNO, atenciosamente nos abaixo assinados.


Baixar o arquivo



Baixar o arquivo : https://docs.google.com/file/d/0B2IIokK4tpqcNzFqVGVMZUZDODQ/edit?usp=drive_web

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aloha, Rotary!

Aloha, Rotary!
Conheça o verdadeiro espírito do aloha e do Rotary ao lado de familiares, amigos e outros rotarianos na cidade de Honolulu. Será o ambiente ideal para celebrarmos, colaborarmos e estreitarmos nossos laços de amizade, desfrutando do calor e da hospitalidade havaianos. A Convenção é uma das únicas oportunidades de reunirmos pessoas em ação do mundo inteiro para comemorar as conquistas do Rotary. Nossos oradores o motivarão ainda mais a se dedicar aos serviços humanitários e abordarão novas perspectivas relacionadas ao nosso trabalho global. Aproveite para rever velhos amigos, fazer novos contatos e explorar tudo o que o evento tem a oferecer. Você voltará para casa energizado e inspirado a continuar trabalhando pelo bem do próximo. Não perca a chance de compartilhar o seu aloha com toda a família rotária na nossa Convenção em Honolulu, de 6 a 10 de junho de 2020. Inscreva-se agora e economize Faça sua inscrição até 15 de dezembro pelo site riconvention.org para aproveitar o p…

Após ação da Lusa na Justiça, leilão do Canindé termina sem lances

Clube se baseia no pedido de tombamento que está em análise no Conselho de Preservação do Patrimônio

Gonçalo Junior e Marcius Azevedo, O Estado de S.Paulo 09 de maio de 2019 | 15h41

Após a Portuguesa entrar com uma petição na 14ª Vara Cível da Capital de São Paulo para suspender o leilão de parte do terreno do Canindé, marcado para esta quinta-feira, não surgiram interessados. Para acionar a Justiça, o clube se baseou no pedido de tombamento enviado para Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental (Compresp) no dia 12 de abril. No entendimento do clube, o leilão só pode ser concluído após a decisão definitiva sobre o tombamento do complexo Oswaldo Teixeira Duarte, formado pelo estádio do Canindé e o clube social.

Mercado de jogos de tabuleiro ganha espaço no Brasil

© Getty Images Empresas nacionais lançam títulos originais e também de outros países
Resumo:

O setor de jogos de tabuleiros modernos foi responsável por cerca de R$ 665 milhões do faturamento da indústria de brinquedos nacional;Em 2018, mais de 4.000 “boardgames” foram lançados no mundo todo;Conclave, Galápagos, Calamity Games, Papergames, Meeple BR e Bucaneiros são algumas das editoras brasileiras de jogos de tabuleiro;O Diversão Offline, evento dedicado ao hobby, recebeu 18 mil pessoas e movimentou R$ 2 milhões no mercado de jogos analógicos ao longo de seis edições.